Dicas para a depilação masculina

A depilação masculina está cada vez mais na moda. Não são só eles que se gostam mais de ver sem pelos, mas elas também.

É por isso uma tendência crescente entre os homens fazer a depilação corporal. As razões, além das estéticas, são também a higiene e o desporto. Na realidade, muitos atletas fazem há muito a depilação masculina, devido a várias vantagens.

Conheça-as no nosso artigo “Vantagens da depilação masculina no desporto“.

Se já costuma fazer a depilação ou vai começar, então é importante conhecer algumas dicas para aumentar a sua eficácia e reduzir os seus efeitos secundários. Confira de seguida várias dicas para a depilação masculina.

Dicas depilação masculina

Dicas para a depilação masculina

Existem vários métodos para realizar a depilação masculina. Um dos mais utilizados é a lâmina, por ser mais fácil e menos dolorosa. No entanto, não é a solução mais indicada. Conheça de seguida qual o método mais adequado, entre várias outras dicas para a depilação.

Dica 1 – No que diz respeito à depilação masculina o método mais indicado é mesmo a cera. Apesar de mais doloroso, especialmente nas primeiras vezes, na realidade a sua eficácia é muito maior e as probabilidades de complicações bastante menores. Assim, os pelos depilados com cera demoram cerca de quinze dias para voltarem a nascer, enquanto que com a lâmina ao fim de dois dias já surgem de novo. Além disso, os pelos cortados com lâmina encravam com maior facilidade e tornam mais fácil o surgimento de inflamações, foliculites e vermelhidão.

Dica 2 – Outra vantagem de usar cera na depilação é o facto de, ao contrário da lâmina, os pelos serem cada vez mais finos e demorando mais tempo a surgir de novo.

Dica 3 – Os cuidados pré e pós depilação são essenciais para um processo mais fácil e com menos complicações. Para isso consulte o nosso artigo “Cuidados a ter antes e após a depilação” e siga as dicas aí presentes.

Dica 4 – Se faz a depilação masculina numa clinica de estetica, deve escolher com cuidado o local. A escolha de um profissional qualificado e com experiência irá ajudar a evitar as complicações mais habituais na depilação.

Partilhar