Depilação definitiva no seio

A depilação definitiva é hoje em dia um dos métodos mais populares para deixar a pele lisinha e livre de pelos.

Apesar de muitas mulheres ainda optarem por métodos mais tradicionais, como a lâmina, a máquina depilatória ou a cera, na realidade, são cada vez mais as que preferem a conveniência e a durabilidade da depilação definitiva.

E quando falamos de mulheres, é bom não esquecer os homens, cada vez mais fãs da depilação, e um cliente cada vez mais frequente do método definitivo.

Neste artigo iremos abordar uma área mais relacionada com as mulheres: o seio. Esta é uma área um pouco sensível, e como tal, com alguns cuidados específicos. Saiba mais sobre a depilação definitiva no seio.

Depilação definitiva no seio

Depilação definitiva no seio

O método de depilação definitiva no seio abrange uma área um pouco maior que apenas a maminha. Assim, a utilização do laser nesta zona irá incluir todo o peito, inclusive a zona entre os seios. Tal como nas restantes regiões do corpo, a depilação definitiva com laser irá consistir na aplicação de um feixe de luz nos pelos existentes.

Este feixe de luz irá transmitir uma temperatura elevada aos pelos, e assim, enfraquecer ou destruir os folículos responsáveis pelo seu crescimento. Este é o método de depilação definitiva mais popular atualmente, sendo igualmente considerado o mais eficaz.

A depilação definitiva com laser para a zona dos seios tem uma duração habitual de 10 sessões. Este número pode variar de indivíduo para indivíduo, dependendo das características da sua pele e dos seus pelos. Entre cada sessão deve existir um período de 45 dias.

Ao longo do tratamento com o laser é essencial seguir algumas indicações. Assim, alguns dias antes de cada sessão (7 dias), deve cortar os pelos, evitando qualquer método que os arranque.

Deve também evitar bronzear-se no mês antes de começar o tratamento. Por fim, se estiver grávida, não poderá realizar a depilação definitiva a laser.

Para saber mais sobre o porquê de não fazer a depilação definitiva durante a gestação, consulte o nosso artigo “Riscos da depilação a laser na gravidez”.

Partilhar