Contraindicações da depilação com luz pulsada

Hoje em dia, a depilação por luz pulsada é cada vez mais o método escolhido pelas mulheres para se verem livres dos incómodos e inestéticos pelos.

Apesar do termo “definitivo”, muitas vezes utilizado por depilações com luz pulsada, na realidade os pelos voltarão a crescer. Mas com este método, em vez de estar mensalmente a fazer depilação com cera ou com máquina, vê-se livre dos pelos durante muitos meses, por vezes até anos, com a vantagem de, mais tarde, a frequência de nascimento de pelos é muito menor.

Além disso, com a manutenção anual, os resultados da depilação com luz pulsada irão manter-se por muito tempo. Contudo, como em qualquer método, também a depilação com luz pulsada tem as suas contraindicações. Conheça melhor esta técnica e em que casos não é indicada.

Contraindicações da depilação com luz pulsada

Depilação com luz pulsada

A depilação com luz pulsada é um técnica não invasiva, onde através da ação da energia térmica da luz, é possível eliminar os pelos de uma forma segura, indolor e rápida. A energia térmica irá destruir ou reduzir a capacidade de produção de um novo pelo por parte do folículo. Dessa forma, além de inibir o crescimento do pelos durante bastante tempo, irá também diminuir a sua frequência.

O número de sessões necessárias na depilação com luz pulsada é variável, dependendo do tipo de pelo e do tipo de pele. Geralmente, 4 a 8 sessões são as suficientes para alcançar os resultados desejados. No entanto, como referimos atrás, este método não é totalmente definitivo. Como tal, para manter esses resultados é necessário uma manutenção anual.

Contraindicações da depilação com luz pulsada

Apesar da depilação com luz pulsada ser uma técnica acessível a quase todas as mulheres, na realidade há ainda um conjunto nas quais este método é contraindicado. Confira de seguida quais os casos onde a depilação com luz pulsada é contraindicada:

  • pacientes com febre;
  • pacientes com algum tipo de infeção aguda;
  • pessoas com fotossensibilidade;
  • pacientes tratadas com ácido 13-cis-retinóico;
  • gestantes;
  • com peles negras ou bronzeadas;
  • pessoas com pelos brancos ou ruivos.

Se não possui qualquer uma destas contraindicações, pode então optar por este método para se ver livre dos seus pelos durante muito mais tempo.

Saiba mais sobre Depilação com Luz Pulsada

Partilhar